segunda-feira, 10 de dezembro de 2007

Portugueses defendem reconhecimento de medicinas alternativas



Estudos realizados pela conhecida TSF,rádio de notícias,revelam que a larga maioria dos portugueses considera que as medicinas alternativas devem ser reconhecidas e comparticipadas pelo Serviço Nacional de Saúde .Segundo este estudo, 84 por cento dos portugueses são a favor deste reconhecimento, com as mulheres, que admitem mais vezes terem recorrido a estas técnicas, a serem as que mais desejam o reconhecimento destas terapias.Entre os que mais desejam o reconhecimento das terapias alternativas estão ainda as pessoas entre 35 e 54 anos e os habitantes do Litoral Centro.Apesar de serem muitos os que defendem o apoio estatal a estas técnicas, apenas 15,5 por cento dos portugueses admitiram ter alguma vez recorrido a estas terapias, entre as quais se incluem a acupunctura, o ioga e programas de auto-ajuda.As mulheres entre os 18 e os 54 anos e que vivem no Litoral Centro são aquelas que reconheceram mais terem recorrido às medicinas alternativas.Já entre os 84 por cento que nunca recorreram a este tipo de técnicas, a maioria são do sexo masculino, têm mais de 55 anos, vive no Interior Norte e pertence à classe média/baixa ou baixa.


Ficha Técnica:O Barómetro DN/TSF/Marktest foi realizado entre 20 e 23 de Novembro com o recurso a 807 entrevistas a indivíduos de idade igual ou superior aos 18 anos residentes em Portugal Continental, 428 das quais a mulheres. O erro da amostra é de 3,5 por cento.


Com o desenvolvimento do nosso Projecto já se encontra disponível a todos os nossos cybernautas um espaço em que poderão colocar todas as suas dúvidas e falar directamente connosco http://www.freewebs.com/medalternativas/chat.htm PARTICIPE!!!

1 comentário:

aislin disse...

olá.
sou estudante de enfermagem e realmente estava à procura de informaçao sobre este tema. Desde já dou-vos os parabéns pelo grafismo do blog e pelos artigos que escolheram. Já vos coloquei nos favoritos para futuras cuscadelas.
A propósito do artigo, sinceramente penso que cada vez mais é necessário um esclarecimento na àrea das medicinas alternativas, no intuito de estas poderem ser uma coadjuvante para a dita medicina. Porque acredito que a abordagem terapeutica da pessoa, feita de a abranger toda a sua componente holistica, é mais eficiente. Continuação de um bom trabalho**